Um refúgio para as espécies ameaçadas de extinção

Das espécies ameaçadas de extinção no Pará, cinco podem ser vistas no Parque Zoobotânico


O Parque Zoobotânico tem a importante missão de sensibilizar a sociedade para a necessidade de conservar os ecossistemas amazônicos. Um contato próximo com animais e plantas da região ajuda nessa missão. Na rica coleção viva do Parque, um grupo ganha atenção especial - as espécies ameaçadas de extinção.

No Parque, é possível encontrar seis espécies da fauna ameaçadas de extinção: a anta, a ariranha, a onça-pintada, a arara-azul, a ararajuba e o gavião-real. Em breve, o Parque receberá uma sétima espécie, o peixe-boi.

Também é possível conhecer nove espécies de plantas ameaçadas de extinção: pau-rosa, castanha-do-pará, pau-brasil, cedro, ipomea, maçaranduba, mogno, ucuúba-branca e acapu.

Para o veterinário Antonio Messias Costa, do Setor Fauna, é fundamental manter estes exemplares no Parque para conhecer, estudar e contribuir para a sua conservação: “É imperativo, é ético e é responsável”.

Clique aqui e saiba mais sobre as espécies animais ameaçadas de extinção assistindo a entrevista com Messias Costa.

 

Veja também as fotos das espécies ameaçadas de extinção encontradas no Parque Zoobotânico do Museu Goeldi na Galeria Multimídia e mais informações sobre as espécies ameaçadas de extinção presentes no Museu Goeldi e a morte da peixe-mulher, Mayra.